Confira a análise do Índice de Preços do mês de Outubro de 2017.

Análise dos dados coletados no mês de Outubro de 2017 dos produtos que compõe a cesta básica.

Confira a análise do Índice de Preços do mês de Setembro de 2017.

Análise dos dados coletados no mês de Setembro de 2017 dos produtos que compõe a cesta básica.

segunda-feira, 8 de junho de 2015

[Análise] Evolução dos Preços Nov. 2014 a Mai. 2015

Análise da evolução da cesta básica entre os meses de Novembro de 2014 e Maio de 2015 em Patos-PB.

Foi regulamentada, segundo o DIEESE (Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos), em 30 abril de 1938, a Lei nº 185 de 14 de janeiro de 1936 pelo Decreto Lei nº 399, que estabelece que o salário mínimo é a remuneração devida ao trabalhador adulto, sem distinção de sexo, por dia normal de serviço, capaz de satisfazer, em determinada época e região do país, às suas necessidades normais de alimentação, habitação, vestuário, higiene e transporte (D.L. nº 399 art. 2º).

sexta-feira, 5 de junho de 2015

[Análise] Maio 2015


De acordo com os dados obtidos no mês de Fevereiro de 2015, os itens que mais sofreram variações foram à margarina que teve reajuste de 261,34%, cujo preço mínimo foi de R$ 1,19 e máximo de R$ 4,30. Logo em seguida aparece a banana, com 175,00% de variação, sendo R$ 2,40 o preço mínimo e R$ 6,60 o preço máximo. Em terceiro lugar ficou a farinha com variação de 128,31%, preço mínimo R$ 2,19 e preço máximo R$ 5,00. Já em quarto lugar ficou o arroz que obteve o reajuste de 83,42%, com preço mínimo de R$ 1,99 e preço máximo de R$ 3,65.

[Análise] Abril 2015

O comportamento dos preços da cesta básica no município de Patos no mês de Abril segue o mesmo comportamento apresentado nos meses anteriores, uma distância muito grande entre o menor e maior preço encontrado Um mercado que é marcado por diferença de preços significativas para um mesmo produto.

[Análise] Março 2015

Em Março de 2015, a cesta básica de Patos- PB variou entre R$217,39 e R$322,38. Os itens que mais sofreram variações foram a margarina com 304,04%, cujo preço mínimo verificado foi de R$0,99 e máximo de R$4,00; em seguida a farinha, com 137,07% de variação, sendo R$2,32 preço mínimo e R$5,50 o preço máximo e em terceiro lugar o óleo, com variação de 124,40% e preços oscilando entre R$2,90 e R$4,69.

[Análise] Fevereiro 2015


De acordo com os dados obtidos no mês de Fevereiro de 2015, a cesta básica variou entre R$199,47 e R$329,03. Os itens que mais sofreram variações foram a margarina com 219,33%, cujo preço mínimo verificado foi R$1,19 e máximo de R$3,80, em seguida a banana, com 130,77% de variação, sendo R$2,60 o preço mínimo e R$6,00 o preço máximo e em terceiro lugar, o pão, com variação de 116,67% e preços oscilando entre R$3,00 e R$6,50.

[Análise] Janeiro 2015


De acordo com os dados obtidos no mês de Janeiro de 2015, a cesta básica de Patos- PB variou entre R$217,39 e R$322,38. Os itens que mais sofreram variações foram à margarina com 192,59%, cujo preço mínimo foi de R$1,35 e máximo de R$3,95; em seguida a banana, com 130,77% de variação, sendo R$2,60 o preço mínimo e R$6,00 o preço máximo e em terceiro lugar ficou a farinha, com variação de 94,32%, sendo o preço mínimo de R$2,29 e máximo de R$4,45.

[Análise] Dezembro 2014


De acordo com os dados obtidos no mês de dezembro de 2014, a cesta básica de Patos-PB variou entre R$ 184,27 e R$ 314,61. O item que mais sofreu variação foi à margarina com 196,30%, cujo preço mínimo foi de R$ 1,35 e máximo de R$ 4,00. Logo em seguida aparece o óleo, com 164,66% de variação, sendo R$ 2,49 o preço mínimo e R$ 6,59 o preço máximo. Em terceiro lugar ficou a farinha com variação de 146,86%, preço mínimo R$ 2,39 e preço máximo R$ 5,90. Já em quarto lugar ficou o feijão com 96,91%, apresentando um preço mínimo de R$ 2,59 e preço máximo de R$ 5,10.

quinta-feira, 4 de junho de 2015

[Análise] Novembro 2014

Ao analisar os dados referentes à cesta básica (composta por: carne, leite, feijão, arroz, farinha, tomate, pão, café, banana, açúcar, óleo e margarina) da cidade de Patos-PB para o mês de Novembro de 2014, percebeu-se, através da tabela 1 que o mercado mostra uma grande disparidade entre os preços dos produtos, indicando um grau de concorrência elevado. Isso porque demonstra uma distancia muito grande entre o menor e o maior preço.